topico setinha laranja ÁREA RESTRITA

             icone facebookicone youtubeicone instagramicone emails
         bt irradiacao geid

Evangelização

Publicado: Segunda, 31 Agosto 2015

O GEID e a proposta de Evangelização

Conceito:
Uma proposta de encontros semanais que tem por objetivo primordial transmitir de forma ajustada a linguagem de cada faixa etária as verdades eternas traduzidas em princípios básicos pelo Espiritismo; acoplada a essa condição, a prática de valores como forma de estabelecer uma conduta evangélica positiva, exemplificada pelo Mestre Jesus.

Faixa etária:
3 a 14 anos (Infanto-Juvenil); as crianças e jovens são atendidos pela dinâmica dos ciclos de desenvolvimento, que conforme maturidade espiritual e não somente cronológica são submetidos a essa metodologia, avaliadas e se desenvolvem conforme suas possibilidades e maturidade.

Princípios fundamentais da Educação Espírita:
Educação pela liberdade
Educação pela Ação
Educação pelo Amor

Esses são os três parâmetros principais da Educação Espírita.
Reconhecendo que o Espírito é o ser livre, que só evolui pelas experiências concretas que realizam nas sucessivas encarnações e que o método empregado pela Providência Divina para despertar a liberdade da ação para o Bem é o método do amor, então podemos dizer que esses três princípios devem orientar qualquer prática pedagógica terrena.
Trata-se de aplicar a Pedagogia Divina.

Nossos Horários
Infanto-Juvenil 3 a 13 anos
Sábado de 9h às 11h

Juventude 14 a 21 anos
Sábado 17h30 às 19h30

Nos diz sabiamente Richard Simonetti , no livro: “ A Constituição Divina “, que a Evangelização moral tem condições de mudar certas atitudes nas crianças, para que mais tarde não entrem no vício; e essa mudança não se dá por obrigação e sim pelo conhecimento das Leis Naturais, que nos demostram claramente o fruto das ações nas conseqüências.
 
Geralmente queremos resultados rápidos de tudo o que fazemos na vida, mas as vezes, os resultados se apresentam lentos; porém, duradouros.
Assim é a nossa Evangelização, os resultados vão aparecendo aos poucos e ficarão para a vida toda.

Os Valores Humanos
Sri Sathya Sai Baba afirma: “O fim da educação é o caráter”. Ele declarou que os atributos do caráter encontram-se naquele que pratica os valores humanos universais de Amor, Verdade, Retidão, Paz e Não-violência. Finalmente, assegurou-nos que esses valores são inerentes a todos nós, e surgirão e prevalecerão em nosso ser à medida que cheguemos a conhecer a nós mesmos.
O principio é: primeiro, ir para dentro e se conhecer; depois, tirar a reluzir os Valores Humanos que permaneciam adormecidos e, finalmente, aplicar esses valores em nossas vidas diárias.
Esse processo pode nos transformar individualmente, em seguida, à família, à sociedade, à nação e, finalmente, a todo o mundo. A paz que nos dá individualmente é a pedra fundamental da paz mundial.

Nossa Mentora - IRMÃ MOROCHA
Em sua última reencarnação, ainda no início deste século, viveu em São Paulo, Brasil. Sua família vivia dentre muitas, uma época conturbada de mudanças, com o Primeira Guerra Mundial.
Por vezes, Morocha era enviada a fila de apanha de mantimentos, para que sua família se alimentasse. Era uma época de fome. Misérias e doenças. A cidade não era nem sombra do que é hoje e os recursos eram escassos e limitados por ocasião da falta de provisões pela guerra que acontecia.

A guerra não era no Brasil, mas todos os povos e países foram atingidos por suas conseqüências. Faltavam comidas, roupas e principalmente remédios, que vinham de outros países. 

Morocha era uma menina pequena, de olhos e cabelos castanhos, porém um espírito determinado e corajoso. Contraiu o tétano com 7 anos e desencarnou com a mesma idade. Em 1954, nas reuniões de Evangelho do grupo que deu origem ao GEID, ela começou a se manifestar. Sempre doce e monitorando grupos de espíritos infantis que ali chegavam, trazia informações importantes sobre a vida espiritual!

Em uma das reuniões de materialização que eram realizadas por integrantes deste grupo, ela compareceu e deixou uma foto que continha a fisionomia de sua última vivência na Terra.
Hoje, podemos sentir sua doce presença através do cuidado fraternal com que envolve a todos, trabalhadores e crianças do atendimento de Evangelização Infanto-Juvenil.

O Voluntário na Evangelização
. Quem pode ser voluntário na Evangelização do GEID? 
Pessoas que tenham afinidade com a causa de educar e evangelizar; para promover mudanças em si mesmo!
Familiares de crianças, que estejam participando dos tratamentos da instituição ou das reuniões de pais.

. O que é preciso para ser voluntário da Evangelização no GEID?
Além de amor ao próximo e vontade de ajudar, é preciso ter disponível, carga horária semanal aos sábados e flexibilidade de horário para comparecer às reuniões de reciclagem e planejamentos, que são realizadas, em sua maioria, aos finais de semana

logo doisnamidia brancaGEID - Grupo de Estudos Integrais Demétrius
Rua do Romancista, nº 96 - Ilha do Governador || 3396-0374 / 3368-8776 
Copyright 2014. Todos os direitos reservados.